Rádio CENV. Centro Espírita Nova Vida.

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Palestra no Centro Espírita Nova Vida - Apodi/RN.



A Reforma Íntima é um processo contínuo de auto conhecimento da nossa intimidade espiritual, modelando-nos progressivamente na vivência evangélica, em todos os sentidos da nossa existência. É a transformação do homem velho, carregado de tendências e erros seculares, no homem novo, atuante na implantação dos ensinamentos o Divino Mestre, dentro e fora de si.

Por que a Reforma Íntima?

Porque é o meio de nos libertarmos das imperfeições e de fazermos objetivamente o trabalho de burilamento dentro de nós, conduzindo-nos compativelmente com as aspirações que nos levam ao aprimoramento do nosso espírito.

Para que a Reforma Íntima?

Para transformar o homem e a partir dele, toda a humanidade, ainda tão distante das vivências evangélicas. Urge enfileirarmo-nos ao lado dos batalhadores das ultimas horas, pelos nossos testemunhos, respondendo aos apelos do Plano Espiritual e integrando-nos na preparação cíclica do Terceiro Milênio.

Onde fazer a Reforma Íntima?

Primeiramente dentro de nós mesmos, cujas transformações se refletirão depois em todos os campos de nossa existência, no nosso relacionamentos com familiares, colegas de trabalho, amigos e inimigos e, ainda, nos meios em que colaborarmos desinteressadamente com serviços ao próximo.

Quando fazer a Reforma Íntima?

O momento é agora e já; não há mais o que esperar. O tempo passa e todos os minutos são preciosos para as conquistas que precisamos fazer no nosso íntimo.

Como fazer a Reforma Íntima?

Ao decidirmos iniciar o trabalho de melhorar a nós mesmos, um dos meios mais efetivos é uma Escola de Aprendizes do Evangelho ou cursos para aprendizado da doutrina (como o ESDE), cujo objetivo central é exatamente esse. Com a orientação dos dirigentes, num regime disciplinar, apoiados pelo próprio grupo e pela cobertura do Plano Espiritual, conseguimos vencer as naturais dificuldades de tão nobre empreendimento, e transpomos as nossas barreiras. Daí em diante o trabalho continua de modo progressivo, porem com mais entusiasmo e maior disposição. Mas, também, até sozinhos podemos fazer a nossa Reforma Íntima, desde que nos empenhemos com afinco e denodo, vivendo coerentemente com os ensinamentos de Jesus.

Extraído do manual Prático do Espírita

Essas e outra informações, serão explanadas nessa palestra. Venha e traga toda a sua família. Início as 19:30. Entrada franca.

segunda-feira, 16 de abril de 2018

Palestra no Centro Espírita Nova Vida. Tema: A Gênese.




                    Último tomo da Codificação Espírita, publicado em janeiro de 1868, o livro “A gênese: os milagres e as predições segundo o Espiritismo”, como o título indica, aborda três temas diversos, quais sejam: A Gênese do Universo, do nosso orbe e do ser humano, a natureza dos Milagres e por último, o fenômeno das Predições, todos analisados segundo o Espiritismo e agrupados em um volume, que, com o passar dos anos, ficou mais conhecido como “A Gênese”.

                      O livro aborda inicialmente a questão, à época delicada, face à reação dos setores refratários à doutrina nascente, do caráter e da validade da revelação espírita. Ao invés de tratar o assunto em um prefácio, Allan Kardec optou por promovê-lo merecidamente a tema do primeiro capítulo, “Fundamentos da Revelação Espírita”, conferindo ao assunto status de leitura obrigatória, face à sua importância para o esclarecimento dos fundamentos da doutrina.

                     Por meio de doze perguntas que são propostas e a seguir respondidas com clareza, lisura e lógica irretorquíveis, coloca-se um ponto final nesta questão, até então controversa, da origem, natureza e validade da Doutrina dos Espíritos.

Essas e outras informações serão abordadas nessa palestra. Venha e traga toda a sua família. A entrada e franca.

Realização: Centro Espírita Nova Vida - Apodi/RN.

terça-feira, 3 de abril de 2018

Palestra no CENV.



Amar o próximo como a si mesmo ?
Como amar o próximo como amo a mim mesmo ?
Será que amamos a Deus sobre todas as coisas ?
O meu próximo é somente minha família ?

       “Amar o próximo como a si mesmo: fazer pelos outros o que quereríamos que os outros fizessem por nós”, é a expressão mais completa da caridade, porque resume todos os deveres do homem para com o próximo. Não podemos encontrar guia mais seguro, a tal respeito, que tomar para padrão, do que devemos fazer aos outros, aquilo que para nós desejamos. Com que direito exigiríamos dos nossos semelhantes melhor proceder, mais indulgência, mais benevolência e devotamento para conosco, do que os temos para com eles? A prática dessas máximas tende à destruição do egoísmo. Quando as adotarem para regra de conduta e para base de suas instituições, os homens compreenderão a verdadeira fraternidade e farão que entre eles reinem a paz e a justiça. Não mais haverá ódios, nem dissensões, mas tão somente união, concórdia e benevolência mútua.

Essas e outras informações serão comentadas nessa palestra. Venha e traga toda a sua família. 

Entrada Franca.


Cronograma de palestras no Centro Espírita Nova Vida, para o mês de Abril - 2018




domingo, 11 de março de 2018

Palestra pública.




No livro dos espíritos Allan Kardec pergunta a espiritualidade. 

702. O instinto de conservação é uma lei da Natureza?

     — Sem dúvida. Todos os seres vivos o possuem, qualquer que seja o seu grau de inteligência; nuns é puramente mecânico e noutros é racional.

 703. Com que fim Deus concedeu a todos os seres vivos o instinto de conservação?

     — Porque todos devem colaborar nos desígnios da Providência. Foi por isso que Deus lhes deu a necessidade de viver. Depois, a vida é necessária ao aperfeiçoamento dos seres; eles o sentem instintivamente, sem disso se aperceberem.

Comentário de Allan Kardec sobre o a lei de conservação.

Comentário de Kardec: Se a civilização multiplica as necessidades, também multiplica as fontes de trabalho e os meios de vida; mas é preciso convir que nesse sentido ainda muito lhe resta a fazer. Quando ela tiver realizado a sua obra. ninguém poderá dizer que lhe falte o necessário, a menos que o falte por sua própria culpa. O mal, para muitos, é viverem uma vida que não é a que a Natureza lhes traçou; é então que lhes falta a inteligência para vencerem. Há para todos um lugar ao sol, mas com a condição de cada qual tomar o seu e não o dos outros. A Natureza não poderia ser responsável pelos vícios da organização social e pelas conseqüências da ambição e do amor-próprio.  

Estas e outras informações serão comentadas na palestra com o orador da cidade de Mossoró RN. Cristovam Fronta. Entrada franca.

domingo, 4 de março de 2018

Palestra no CENV.



Todos os sentimentos partem do espírito, mas existem os bons e os maus. Os sentimentos puros são elevados, criam ambiente de alegria e felicidade e tornam as criaturas valorosas e apreciadas. Os maus sentimentos atestam inferioridade e às vezes são indício de baixa espiritualidade; essas criaturas vivem sempre irritadas, mal-humoradas, criam ambientes infelizes, tétricos.

Uma criatura dotada de bons sentimentos é querida, estimada e respeitada. Alimentar os bons sentimentos é afastar os maus. Portanto, é dever de todas as criaturas, principalmente aquelas que têm filhos a educar, em formação do caráter, nunca criarem um ambiente de infelicidade para os filhos. 

Estes devem ver o semblante de seus pais sempre desanuviado e nunca os ouvirem pronunciar palavras rancorosas. Quando os pais percebem em seus filhos a inclinação para os maus sentimentos, devem ter o máximo cuidado de corrigi-los, a fim de os fazer desaparecer.

A espiritualidade se demonstra sempre pelos sentimentos que os espíritos irradiam. Todos os espíritos encarnam para resgatar faltas, crimes praticados em encarnações anteriores. Ninguém fica impune. Por isso se diz que deve haver reflexão, para que não sejam praticadas más ações. 

Toda criança demonstra os sentimentos que possuía na última encarnação, e não há melhor oportunidade do que a da infância para combater os maus sentimentos, para corrigi-los, a fim de que os espíritos comecem a aproveitar o seu tempo, nesta encarnação.

Essas e outras informações você colherá nesse evento. Venha e traga toda a sua família. Entrada franca.